Pastel seco...

24.8.15 Anahy Britto 0 Comments

Eu sei que tenho que estudar tudo sobre pastel seco, mas não resisti em dar uma testada na base do improviso, apenas para sentir a textura, o comportamento desse material diante das minhas 'invencioniçes'. Adorei! Sobretudo o efeito suave.
Como ele é um prensado de pigmento em pó, o cuidado para não sujar muito o desenho deve ser redobrado e deve-se usar um spray de fixação após o término para maior durabilidade na superfície (eu usei um papel linho).
O que eu tenho é em barra, mas pretendo adquirir o lápis porque acho que deve ser de manuseio mais fácil para áreas pequenas. Nesse desenho pequeno eu não usei nenhum utensílio além dos dedos para espalhar o pastel. Finalizei com caneta preta e lápis aquarela.
A caligrafia maluca eu fiz com sobras de tinta de tonner de impressora que meu irmão me deu para reciclar, misturei a cor ciano com amarelo (ela é muito rala, mancha, tive que escrever super rápido! Depois vou estudar um jeito de encorpá-la, talvez com guache ou goma arábica...) para fazer esse verde folha. Aceito idéias e sugestões de como deixar essa tinta mais grossa, ela é bem pigmentada, porém muito fina.
Bom, por enquanto é isso.


Um abraço bem testado!
Anahy



0 comentários: